quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

domingo, 29 de novembro de 2009

CAIXA E O FINANCIAMENTO DE MOTOS

Caixa lança linha de crédito para financiamento de motos.

CEF ( Caixa Econômica Federal) lançou nesta sexta-feira (27) uma linha de crédito especial para a compra de motos.

A medida, organizada em parceria com o Ministério do Trabalho, contudo, beneficia apenas aqueles que trabalham com transporte de mercadorias e documentos por meio de motonetas ou motocicletas.

Verba
De acordo com o MTE, a verba destinada para o financiamento é de R$ 100 milhões, sendo a quantia liberada pelo Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador).

Sobre as condições de financiamento, os motofretistas poderão financiar até 100% do valor, desde que respeitado o teto financiável de até R$ 8.500.

Além disso, o financiamento poderá ser feito em 24, 36 ou 48 meses e poderão ser adquiridas motos zero quilômetro de até 150 cilindradas. No primeiro caso, a taxa de juros é de TJLP mais 6% ao ano; para o prazo de 36 meses, será cobrada TJLP mais 12% ao ano, e para o prazo de 48 meses, TJLP mais 18% ao ano.

Taxistas
Além do crédito para motofretistas, será lançado financiamento para a compra de veículos novos destinados a serviços de táxi.

Para essa linha, o FAT destinou recursos de R$ 200 milhões. Poderá ser financiado até 90% do valor de carros novos bicombustíveis, com motor inferior a 2 mil cilindradas e com, no mínimo, quatro portas. O prazo para pagar é de, no máximo, 60 meses, com taxa de juros de TJLP mais 4% ao ano.

Para ter acesso ao crédito, limitado a veículos de até R$ 60 mil, é preciso comprovar com documentos o exercício da atividade de taxista.

terça-feira, 27 de outubro de 2009

A CARTA DE UM DROGADO

videoSeja esperto, só otario e fracassado vão nessa barca. DROGA TO FORA

domingo, 11 de outubro de 2009

JOGANDO NO MEIO DA RUA





Passando no jardim do Bosque na rua Guajuvira em Cachoeirinha relembrei do meu passado.
Quantos de nós nunca jogou bola, andou de bicicleta, pulou com pula-pula, andou com perna-de-pau e entre outras brincadeiras que, há tempos atrás, não havia perigo de serem praticadas no “meio da rua”. Pois é, os tempos mudaram, os anos passaram e estas brincadeiras se tornaram perigosas ao serem praticadas no “meio da rua”. Ora, anos atrás tinha tanto espaço que podíamos escolher a onde iríamos brincar independente do bairro em que vivíamos.
Em outros tempos também, havia muitas áreas livres para que pudéssemos dispor da prática de esportes e brincadeiras, mas hoje está tudo diferente, há poucos campos de futebol, áreas livres nos bairros, clubes de esportes e outros locais específicos para prática de esportes e brincadeiras que proporcionam segurança e estimulem nossos jovens à prática correta dos esportes, seja ele futebol, basquete, vôlei e outros.
Simples, até agora todos lembraram de sua infância e estão vendo como seus filhos e filhas agem, brincando inocentemente no “meio da rua”.
Alguém já parou para pensar se uma criança ou adolescente for atropelado no “meio da rua”, quem será o verdadeiro culpado? Será quem estava jogando bola ou o motorista do carro ou o motoqueiro ou poder público? Com certeza, será o coitado do condutor do veículo!
Vamos analisar um exemplo: Um grupo está jogando bola no “meio da rua”, com uma de suas traves colocada a 10 ou 15 metros da esquina, ocorre que, em determinado momento, um carro faz a curva, em velocidade normal da via (50 Km/h), e um jovem está correndo na contramão de direção para pegar a bola, indo de frente ao veículo, ocasionando seu atropelamento e, mais tarde, seu falecimento. Quem é o verdadeiro culpado? O jovem que jogava bola no “meio da rua” e corria na conta-mão de direção ou o motorista que trafegava com seu veículo na rua que, por sinal, é a via própria para veículos.
Sem sombra de dúvida que o motorista do veículo será responsabilizado e responderá por homicídio culposo.

Onde estamos? Brasil! Sim, eu sei e você sabe! Mas será que está correto?

No meu entender não, pois a rua não foi feita para prática de esportes e brincadeiras, a qual teria que ter lugar certo, como dito acima. Não obstante, a culpa é do jovem que faleceu.
Agora, figure o mesmo exemplo dado acima, mas desta vez o jovem é atropelado e morto por um veículo que está fugindo da polícia, no entanto, ele pára e a perseguição acaba. E vem a pergunta: quem é o culpado? De novo, o jovem, pois não deveria estar brincando na rua.
Troque, no primeiro exemplo, o carro por uma viatura da polícia, do resgate ou do bombeiro, que faz a curva em alta velocidade para atender uma ocorrência naquela rua e, por fim, acaba matando um jovem ou uma criança atropelada. Mais uma vez é culpa do jovem ou da criança, pois não deveria estar no “meio da rua” correndo atrás de bola. Ora, se o jovem ou a criança estivesse praticando tal esporte em local apropriado, mesmo seguindo algumas regras, ele seria atropelado? Não, só se por muita sorte e ironia do destino um avião caísse em sua cabeça!

Contudo, tenho certeza que esta situação tem como mudar e se a comunidade quiser basta lembrar do velho ditado (o povo não sabe a força que tem) e esta força vem da união de todos participando de atividade do seu bairro.
Que futuro terá nosso país com pais que não lutam pelos jovens e o governo que há anos vem dizendo que o futuro do país são os jovens.
Pense nisso e se organizem!

sábado, 26 de setembro de 2009

TRÁFICO E O CONSUMO DE DROGAS


Comissão de Finanças e Tributação - (CFT) da Câmara dos Deputados aprovou hoje (24), por unanimidade, o Projeto de Lei (PLS- 207/2007), de autoria do senador Sérgio Zambiasi (PTB-RS), que amplia o combate ao tráfico e ao consumo de drogas no país. "Agora, com a criação do Sistema Nacional de Políticas sobre Drogas, tanto a prevenção e a repressão ao tráfico, como a prevenção ao uso indevido de drogas, foram finalmente "sistematizados", devendo obedecer aos critérios estabelecidos pela União", afirmou o senador Zambiasi.
O PLS altera o art. 73 da Lei nº 11.343, de 23 de agosto de 2006, para permitir que a União possa celebrar convênios com os Estados e o Distrito Federal visando à prevenção e repressão do tráfico ilícito e do uso indevido de drogas, e com os Municípios. "O objetivo é prevenir o seu uso indevido, e possibilitar a atenção e reinserção social de usuários e dependentes de drogas", afirma Zambiasi.
Em sua justificação o parlamentar gaúcho destaca a atuação do Governo no enfrentamento à questão das drogas, dando ênfase à prevenção ao uso de substâncias entorpecentes, ao tratamento e recuperação dos dependentes químicos, sua inserção social, bem assim, o atendimento a seus familiares.
Segundo o senador Zambiasi, a aprovação da matéria possibilita, inclusive, a concessão de benefícios às instituições privadas que desenvolverem programas de reinserção no mercado de trabalho dos usuários e dependentes de drogas. "Isso representa o envolvimento de toda a Sociedade nesta questão", disse.
O Distrito Federal e os Municípios não foram incluídos entre os entes federativos passíveis de firmar convênios com a União, mas poderão continuar realizando estratégias visando à prevenção e a repressão ao tráfico de drogas.
De acordo com ao PLS, a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios atuarão, concorrentemente, na prevenção ao uso indevido de drogas, inclusive com dotação orçamentária própria. Tanto o Distrito Federal quanto os Municípios poderão firmar convênios com a União, cada qual com suas competências. Agora, o PLS segue para análise na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC).
*Acompanhe todo os projetos do senador relacionados ao tema "drogas", no especial "Todos contra o crack", publicado neste site

domingo, 20 de setembro de 2009

CARTÓRIO 24 HORAS

Quem quiser tirar uma cópia da certidão de nascimento, ou de casamento, não precisa mais ir até um cartório, pegar senha e esperar um tempão na fila.
O cartório eletrônico, já está no ar.
www.cartorio24horas.com.br

Nele você resolve essas (e outras) burocracias, 24 horas por dia, on-line. Cópias de certidões de óbitos, imóveis, e protestos também podem ser solicitados pela internet.
Para pagar é preciso imprimir um boleto bancário. Depois, o documento chega por Sedex.

sábado, 15 de agosto de 2009

sábado, 20 de junho de 2009

DEPENDENTE QUÍMICO


A Secretaria Municipal de Saúde inaugura segunda-feira, 15, às 14h30, no Centro de Saúde IAPI, o plantão de emergência em saúde mental e o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPSad). Os dois novos serviços, abertos em parceria com o Hospital Mãe de Deus, ampliam a oferta de tratamento para dependentes químicos em Porto Alegre. O secretário municipal de Saúde, Eliseu Santos, e o prefeito José Fogaça participarão da solenidade na sede do CAPS (rua Valentim Vicentini, paralela à rua Três de Abril).
O pronto-atendimento ocupa 400 metros quadrados e tem 14 leitos de observação para permanência de até 72 horas e um leito de isolamento para observação de pacientes agudos. A desintoxicação em nível ambulatorial também será oferecida no CAPSad, que conta com dois leitos. No local, uma equipe multidisciplinar formada por psicólogo, psiquiatra, clínico geral, assistente social, enfermeiro, terapeuta ocupacional e auxiliares de enfermagem, atenderá pacientes e familiares em consultas individuais, grupoterapia e oficinas.
E na contramão vem os traficantes com uma sociedade hipócrita onde prega que bandido quando preso tem que ter cela individual, cadeias em bom estado, serviço médico disposição, assitente social e um defensor público para defende-lo caso alguém o acuse de suas atrocidade bem como a dissiminação das drogas.
Esta demorando a lei para que bandido quando preso paguem por seus gastos quando estiverem na cadeia ou até mesmo trabalhem para se manter chega de vadiagem.

quinta-feira, 11 de junho de 2009

COMBATE AO CRACK NO ESTADO DO RS


Mãe de Deus e Secretaria da Saúde inauguram CAPS Álcool e Drogas. Assista ao vídeo!


A comunidade de Porto Alegre dispõe de uma nova unidade de assistência a combate do álcool e outras drogas, localizada no Bairro Vila Nova. Trata-se de um esforço conjunto entre o Sistema de Saúde Mãe de Deus e a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, por meio da Secretaria Municipal da Saúde.
A unidade foi inagurada na última quarta-feira (27), após a conclusão das obras de modernização do espaço e adequação aos protocolos ministeriais para os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Assim, o CAPS Vila Nova está apto para o início de suas atividades, atendendo a região centro-sul da Capital.
Para o Superintendente do Hospital Mãe de Deus, Dr. Cláudio Sefferin, esse espaço vai ao encontro das necessidades de intervenção junto a um dos maiores problemas de saúde pública do Brasil, a dependência química.
Já para o prefeito de Porto Alegre, José Fogaça, o papel do Hospital Mãe de Deus nessa frente de combate às drogas é fundamental. Há mais de 30 anos, o Hospital atua na assistência à dependentes químicos, por meio de equipe altamente qualificada e instrumentalizada por tecnologias de ponta.
Estiveram presentes no ato inaugural o Diretor da Unidade de Dependência Química do Mãe de Deus, Dr. Sérgio de Paula Ramos; o Prefeito de Porto Alegre, José Fogaça; o Secretário Municipal da Saúde, Eliseu Santos; a Coordenadora das Políticas em Saúde Mental de Porto Alegre, Irma Rossi, entre outros.

domingo, 15 de março de 2009

CAMINHOS RURAIS DE POA



semestre.

São 61 placas indicativas dos principais acessos aos atrativos turísticos localizados nos bairros Lami, Belém Velho, Lageado, Restinga, Lomba do Pinheiro, Belém Velho, Campo Novo, Ipanema, Hípica, Vila Nova e Cascata, na Zona Sul. As placas terão a logomarca Caminhos Rurais, o bairro, avenida ou estrada e os ícones dos empreendimentos. Ontem, foi autorizada pela prefeitura a suplementação do recurso para o orçamento de 2009. O contrato com a empresa vencedora da concorrência deverá ser assinado nos próximos dias.

domingo, 8 de fevereiro de 2009

A NOVA PREFEITURA DE CACHOEIRINHA


Quando há o fato e tem seriedade qualquer pessoa tem a obrigação e o dever de divulgar, principalmente quando é coisa positiva, e foi assim que o Prefeito de Cachoeirinha Vicente Pires e o vice Prefeito Gilso Nunes responderam uma solicitação onde uma matéria aqui do Blog cobrava sobre o andamento do projeto da sede própria do município, eles juntamente com seus secretários a arregaçaram as mangas e foram até o terreno da Prefeitura e de lá mesmo já informaram que será ainda neste governo e em um prazo de 36 meses será erguido um prédio de oito andares onde abrigara o executivo e praticamente todas as secretarias.
E como munícipes, só nos resta bater palmas e dar os parabéns.